sábado, 14 de maio de 2011

MODA SEM PRECONCEITO


Engana-se quem pensa que moda é sinônimo de superficialidade. A moda pode ser entendida como um fenômeno social resultado da cultura, da política, economia, religião e dos ideais de um povo.  

Como reflexo de um contexto histórico, ela espelha as características de uma sociedade que se manifesta através dos costumes, comportamento e, sobretudo, da vestimenta. Esta última, por sua vez, constitui a sua face mais instigante, pois abrange um complexo sistema de estímulos e significados que muito representam para a vida do homem em sociedade.   

Assim, muito além da sua função básica que é a proteção, a roupa pode explicitar status, protesto, pertencimento, religião, ideologia, profissão. Mas, principalmente, ela deve constituir uma extensão fiel da personalidade do indivíduo sob pena de se transformar em uma fantasia. 

Portanto, este singelo blog pretende falar sobre a moda de uma forma mais abrangente buscando abarcar as mais diversas discussões a respeito do tema, sem deixar, evidentemente, de falar sobre tendências, dicas e outras coisinhas mais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário